Agência da Boa Notícia faz a entrega do Prêmio Gandhi de Comunicação 2018

1420

A solenidade de entrega do Prêmio Gandhi de Comunicação foi realizada, pela Agência da Boa Notícia (ABN), nesta quarta-feira (05), no Auditório Deputado Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa do Estado do Ceará. Na ocasião ocorreu o Fórum Comunicação e Pós-Verdade: Uma Discussão Sobre a Notícia Falsa e a (des) Informação.

O Prêmio Gandhi de Comunicação é o principal produto da Agência da Boa Notícia, um grande incentivador de produção de boas notícias para os profissionais e estudantes de comunicação. Tem por objetivo instigar jornalistas e comunicadores a produzir boas notícias sobre cultura de paz.

O Prêmio Gandhi de Comunicação 2018 contemplou 08 (oito) categorias, sendo 04 (quatro) voltadas para jornalistas profissionais, – 03 (três) para estudantes de Comunicação Social (Jornalismo e Publicidade e Propaganda) e 01 (um) para produtor de conteúdo online (para jornalistas e publicitários).

Para a diretora de comunicação, jornalista Angela Marinho, a premiação cumpre o papel a que se propôs, desde a fundação da Agência, há 11 anos. “As pessoas estão cansadas de notícias ruins, da valorização exagerada dos males produzidos por uma sociedade com uma visão muito distante da angústia do outro. Reportagens sobre o lado bom da vida são um alívio para quem busca uma forma mais leve e solidária de viver”.

Nesta 11ª edição foram inscritos 110 trabalhos, sendo 85 voltados para profissionais de comunicação (Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Radiojornalismo, fotojornalismo e Produtor de Conteúdo online). Foram inscritos 25 trabalhos nas categorias estudantis (Trabalho de Conclusão de Curso, Reportagem de Mídia Impressa e Mídia Eletrônica)

Veja a relação completa dos ganhadores e das matérias premiadas:

Categorias Profissionais:

Jornalismo Impresso: Antônio Melquíades Júnior, com a matéria Doadores do Tempo, pelo Diário do Nordeste.

Telejornalismo: Rita de Cáscia Capibaribe Brito Esteves, com a reportagem Um lugar onde se constrói a paz, pela Nosdestv. Equipe: Delane Ratts Ferrão, Alana Medeiros, Eduardo Oliveira e Glovyson Pabollo.

 Radiojornalismo: Maria de Fátima Alves de Abreu, com a reportagem O direito de ser mulher?, pela Rádio FM Assembleia. Equipe: Tarciana de Queiroz Mendes Campos, Rinald William de Sousa Ribeiro, Nabucodonosor Carneiro de Queiroz e José Ronildo Lins do Carmo.

Fotojornalismo: Fábio Procópio de Lima, com o trabalho intitulado Ceará Pacífico, para o Jornal O Povo.

Produtor de Conteúdo Online: Victor Igor Amaral Cavalcante, com o trabalho A Riqueza das Favelas, pelo opovo online. Equipe: Rubens dos Santos Rodrigues, Lucas Viana Braga e Érico Sampaio Firmo.

Categorias Estudantis:

Trabalho de Conclusão de Curso (TCC): Gabriela Pinto Custódio, com o trabalho – Adaptado para Vestir: produto multimídia sobre a inclusão de pessoas com deficiência na moda, pela Universidade Federal do Ceará.

Reportagem de Mídia Impressa: Marcela Silva Benevides, com o trabalho Quem faz uma cidade melhor – Revista, do Centro Universitário 7 de Setembro. Equipe: Ana Cláudia Ferreira Moura, Bianca Kethulen Araújo Dias, Bruno do Nascimento da Silva, Deusdedit Lopes Ribeiro Neto, Elioenai Naftali Gomes Gondim, Iara Costa Castro, Iara Fontes da Silva, Ivina Maria Rocha da Silva, Khelvya Danya Carvalho Marques, Lisandra de Sousa Silva, Jonathan Firmino Silva, Paloma Negreiros Nogueira e Talita Chaves Silva Santos.

Mídia Eletrônica: Calebe Rodrigues da Silva, com o trabalho Além do Papelão, pela Universidade Federal do Ceará. Equipe: Antônio Wandersson Silva Trindade, Caroline Gomes Rocha, João Duarte Silva Neto e João Pedro Silva da Costa.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here