Informação necessária.
 

CADASTRE-SE

Faça seu cadastro para receber nosso informativo eletrônico:
Nome: Informação necessária.
E-mail: Informação necessária.E-mail inválido.
 
Youtube Twitter Facebook
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

NOTÍCIAS

  16/05/2014 
CIDADANIA

Caminhada contra a exploração e o abuso sexual de crianças e adolescentes

No próximo domingo, 18, é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Com objetivo de conscientizar e prevenir casos de abuso, que podem se intensificar durante a Copa do Mundo, instituições da sociedade civil se reúnem numa grande caminhada. O ato será realizado na Av. Beira Mar, a partir das 9h, com o tema “Exploração Sexual Infantil - Jogue Contra - Disque 100”.

A caminhada sairá do Aterro da Praia de Iracema e seguirá até o Clube Náutico. A expectativa da organização é reunir mais de 1.000 pessoas, com cartazes e faixas de combate. No percurso, um flashmob (intervenção urbana com dança), a vacinação simbólica de crianças e adolescentes contra a exploração e o abuso sexual com uma gotinha de mel e esquetes teatrais sobre o assunto. A ideia é chamar a atenção de toda a sociedade para o problema.

O ato está sendo organizado pela Rede Evangélica Nacional de Ação Social (Renas), Jovens com uma Missão (Jocum Fortaleza), Diaconia - Actalliance e Igreja Batista Central de Fortaleza (IBC).

Saiba mais
O evento do dia 18 de maio é uma ação para prevenir o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes, na Copa do Mundo, período em que pela maior movimentação de turismo no País, a sensação de festa pelos jogos do Brasil e a concentração de pessoas em determinados pontos podem intensificar o problema.

É também uma data de mobilização e luta pela maior notificação dessa questão, pois no primeiro semestre de 2014 foram 51% a menos registros de violência contra crianças e adolescentes. O fato, para especialistas, não significa uma redução da violência, mas um aumento da subnotificação. “A subnotificação cria um ambiente de silêncio que torna muito favorável a continuação do crime. E o nosso desejo é que cada cidadão e cidadã de Fortaleza se sinta na responsabilidade de proteger nossas crianças e adolescentes de tal fenômeno, denunciando os casos”, ressalta Jailma Rodrigues, coordenadora em Fortaleza da Renas.

Com informações da assessoria de imprensa do evento
 

Última atualização: 16/05/2014 às 10:08:58
 

Notícias Relacionadas

24/06/2016    Atividades de socialização e prevenção na Semana de Combate às Drogas
16/06/2016    Ação incentiva leitura e consumo consciente através da prática de atitudes positivas
17/11/2015    Arte e solidariedade se unem na 7ª exposição do projeto Amigos em Ação
25/08/2015    Mostra de Teatro realiza apresentações em unidades prisionais
21/08/2015    Movimento cultural ocupa a Praça dos Leões no próximo domingo
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

PÁGINA INICIAL

 
 

Copyright © 2009-2017 Agência da Boa Notícia  •  Todos os direitos reservados.
Av. Des. Moreira, 2120, sala 1307 - Aldeota  •  CEP: 60170-002  •  Fortaleza - CE
Fone/Fax: (85) 3224.5509  •  E-mail: boanoticia@boanoticia.org.br

    www.igenio.com.br